Cidades Polícia Política Entretenimento Esportes Últimas

Casal chega no Centro de Emergência com bebê de 44 dias morto, em São João da Barra

Política
MPRJ apura supostas irregularidades na concessão de bolsas universitárias em São João da Barra e Prefeita Carla Caputi diz que está tranquila porque atua com responsabilidade
PUBLICADO POR: LEONARDO FERREIRA | PORTALOZK.COM - 11/09/2023 - 09:00

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio da 1ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva do Núcleo Campos dos Goytacazes, instaurou, no dia 15 de agosto, inquérito civil para apurar supostas irregularidades na concessão de bolsas para alunos universitários por parte do Município de São João da Barra. A investigação teve como ponto de partida comunicações encaminhadas ao MPRJ, relatando que o município estaria disponibilizando bolsas para cursos de nível superior, inclusive de medicina, para não munícipes e para estudantes que não preenchem os critérios de renda para o recebimento do benefício. O relato também mencionava suposta falta de transparência no processo. 

Como medida preliminar, o MPRJ oficiou a Procuradoria-Geral do Município de São João da Barra e a Secretaria Municipal de Educação para que prestem esclarecimentos sobre os fatos. A promotoria solicitou que a SME encaminhe, no prazo de 15 dias, listagem dos alunos contemplados com bolsa universitária nos últimos três anos, quais os critérios utilizados para a concessão e como é feito eventual controle da observância dos requisitos.

A Prefeita Carla Caputi, em entrevista a Rádio Grussaí FM, disse que está tranquila e que trabalha com muita responsabilidade, ressaltando que o MPRJ está fazendo o papel dele. "Estou tranquila porque trabalhamos com muita responsabilidade. Esse é o trabalho do Ministério Público, de verificar, assim como outros órgãos, como o Tribunal de Contas e outros órgãos. Então, a gente já respondeu (ao MPRJ) e enviou todos os documentos e estamos aí para prestar todos os esclarecimentos de acordo com o que for solicitado. A gente tem uma comissão que avalia, que assina, tem a assistente social que é responsável, tem a secretária (de Educação) que é responsável também, por toda essa questão, enfim... O importante é a gente não desistir de fomentar o sonho das pessoas, porque a gente pagando a faculdade, pagando as bolsas, a gente está alimentando e incentivando o sonho das pessoas de terem seu curso superior", comentou Carla Caputi. 


Acompanhe o Portalozk.com nas redes sociais:

Instagram: https://www.instagram.com/portalozk/
Facebook: https://twitter.com/portalozk
Twitter: https://twitter.com/portalozk

Veja mais!

E-mail: portalozk1@gmail.com
Telefone: (22) 99877-3138


HOME ANUNCIE CONOSCO
© 2004-2023 Portalozk.com Desenvolvido por Jean Moraes