Cidades Polícia Política Entretenimento Esportes Últimas

Morre o Senhor Elço Ferreira, de São João da Barra

Política
Criação do Programa Patrulha Maria da Penha, do Grupamento de Operações com Cães (GOC) e do Canil da GCM aprovados na Câmara de São João da Barra
PUBLICADO POR: LEONARDO FERREIRA - 15/06/2022 - 13:30

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA

A Câmara de São João da Barra apreciou várias proposições na sessão de ontem, terça-feira (14). Entre os destaques estão os projetos de lei do Executivo: 030/2022 e 031/2022. O primeiro dispõe sobre a criação do Programa Patrulha Maria da Penha no município, que será executado por agentes treinados e capacitados da Guarda Civil Municipal (GCM), com o objetivo de coibir a violência doméstica e familiar contra as mulheres do município. Já o 031 visa à criação do Grupamento de Operações com Cães (GOC) e do Canil da GCM. O intuito é utilizar cães adestrados para auxiliar operações como: patrulhamento comunitário, preventivo, a pé, motorizado, em eventos, proteção de patrimônio, operações de busca, captura, salvamento de pessoas, detecção de entorpecentes e artefatos explosivos, entre outros.

Saúde - Na sessão, foram aprovados três requerimentos para a Saúde, começando por Franquis Arêas, que pediu a renovação da frota de ambulâncias (compra) e também mais veículos para transportar os pacientes que fazem tratamento em outras cidades. O presidente da Casa, Elisio Rodrigues, requereu a implantação do cartão de vacinas digital na rede pública. Elisio também requereu um levantamento dos medicamentos mais prescritos pelos médicos da rede pública, a fim de manter o estoque adequado, evitando que haja falta de remédios na farmácia pública.

Água potável - À Cedae, Chico da Quixaba solicitou a construção de uma caixa d’água para fornecer água potável para a localidade de Campo de Areia.

Pesca - Joice Pedra fez dois requerimentos à Secretaria de Pesca e Aquicultura. No primeiro, sugeriu a implantação de um projeto de incentivo ao desenvolvimento da agricultura familiar, visando promover políticas públicas socioeconômicas para o desenvolvimento sustentável da atividade agrícola no município como forma alternativa de geração de emprego e renda nas propriedades rurais. No outro, pediu a contratação de empresa especializada em manutenção emergencial da embarcação pesqueira, conforme normas marítimas e técnicas de mergulho.

Transporte - Por meio de requerimento, o vereador Analiel Vianna solicitou à Câmara que convide o Detro, a Secretaria de Transportes e as empresas de ônibus, Brasil e Quissatur, para participarem de uma palestra sobre transporte intermunicipal, com data a ser marcada pela Casa de Leis.

Obras - À Secretaria de Obras, Sônia Pereira (Soninha) solicitou reforma, calçamento, colocação de quebra-molas (ou tachões) e sinalização na Rua Maria Clarinda (Açu) e a reforma geral das quadras esportivas da Praça do Meireles e do Repolinho, em Atafona. Já o vereador Alan de Grussaí pediu a construção de um canteiro central, ciclovia e iluminação no prolongamento da Avenida Liberdade até a Curva de Grussaí e a elaboração de um projeto de lei para a reabertura da antiga Estrada da Restinga, ligando Chapéu do Sol à Avenida Liberdade, em Grussaí. Franquis sugeriu a construção de um portal em Barcelos, com o objetivo de delimitar os municípios de Campos e São João da Barra. Analiel fez indicação cobrando a construção de uma creche em Campo de Areia.

Denúncia - No Tema Livre, um assunto grave chamou a atenção: o risco no prédio da antiga Tecex, que funciona como galpão de algumas secretarias. A denúncia foi apresentada pelo vereador Carlos Machado da Silva (Kaká), que visitou o local recentemente a pedido de moradores vizinhos. Segundo ele, o prédio está com danos estruturais, queda de telhado, grande quantidade de objetos abandonados, servindo de ambiente insalubre para a saúde humana haja vista a presença de ratos, mosquitos, cupins, baratas, entre outros insetos.

Kaká filmou e fotografou o local e redigiu um ofício para enviar ao coordenador Municipal de Defesa Civil do município, Marco Antônio Ribeiro da Silva. No documento, lido na sessão, ele solicita “uma vistoria, visando a uma análise de riscos que o próprio municipal, atualmente abandonado, está propiciando à população sanjoanense”. Também requer adoção de medidas necessárias para sanar o problema.

- Fique perplexo com o estado daquele prédio que foi comprado, se não me engano em 2011, por um dinheirão. Um total desperdício com o dinheiro público. Um espaço grande, que poderia servir como centro esportivo e cultural para os nossos jovens, para cursos profissionalizantes, mas que está oferecendo risco de vida aos funcionários que ali trabalham, pois há telhas soltas, que podem cair a qualquer momento - desabafou. 


Acompanhe o Portalozk.com nas redes sociais:

Instagram: https://www.instagram.com/portalozk/
Facebook: https://twitter.com/portalozk
Twitter: https://twitter.com/portalozk

Veja mais!

E-mail: portalozk1@gmail.com
Telefone: (22) 99877-3138


HOME ANUNCIE CONOSCO
© 2004-2022 Portalozk.com Desenvolvido por Jean Moraes