Sábado, 30 de maio de 2020 FALE-CONOSCO ANUNCIE AQUI
Segurança
'Desafio da rasteira' deixa pais preocupados; 'brincadeira' causou morte de adolescente
Notícias > Segurança > 'Desafio da rasteira' deixa pais preocupados; 'brincadeira' causou morte de adolescente
Isis Rodrigues / Portalozk.com 12 de fevereiro de 2020 às 22h43
Compartilhe essa notícia Whatsapp
Atualizado em 13 de fevereiro de 2020 às 10h18

O que seria mais uma brincadeira escolar entre amigos acabou resultando na morte de uma adolescente de 16 anos, em novembro do ano passado, na cidade de Mossoró, no Rio Grande do Sul. O assunto já preocupa pais e professores de escolas, já que existem vários vídeos circulando nas redes sociais da "brincadeira" apelidada de roleta-russa humana, quebra-coquinho ou brincadeira da rasteira.

A prática da "brincadeira" consiste em duas pessoas darem uma rasteira em uma terceira, que cai de costas no chão e, com isso, pode machucar gravemente o cérebro ou a coluna cervical.

A menina, de acordo com o relato de uma prima à época, estaria brincando com outras duas pessoas, que a seguraram e tentaram girá-la, em uma espécie de cambalhota. Durante a manobra, a estudante caiu, bateu a cabeça e teve traumatismo craniano grave.

No "desafio da rasteira" duas pessoas pedem a uma terceira para dar um pulo e, quando a vítima está no ar, as outras a derrubam com um pontapé.

A reportagem do Portalozk.com conversou com a psicóloga e também nossa colunista, Bruna Henriques, sobre a "brincadeira".

"O novo desafio feito pelos jovens e que viralizou na internet há alguns dias deve ser visto como um alerta, uma vez que coloca em risco a saúde e a integridade física dos jovens que participam, essa nova "brincadeira" pode causar sérios danos como lesões e traumatismo craniano, que vão alem de um "simples galo". Boa parte das filmagens se passa em colégios e em plena volta às aulas, fica o alerta a pais e educadores sobre os riscos dessa "brincadeira". As crianças e adolescentes na maioria das vezes não tem noção dos sérios riscos e topam qualquer coisa para serem aceitos pelo grupo, impressionar os amigos ou provarem a si mesmos que são capazes. A prevenção é o dialogo e a orientação por parte de educadores e familiares sobre o perigo e as consequências".

A mãe do jovem Leonardo Ferreira Filho, Thamiris Moreira, proprietária do Portalozk.com , também está preocupada com a modalidade e alerta: “Uma brincadeira de mau gosto em que muito me preocupa, principalmente por ter um filho pré-adolescente, onde na visão deles pode parecer divertido, porém, precisamos alertá-los, alertar nossos jovens de que esta brincadeira pode ser mortal. Esse é o nosso dever enquanto responsáveis”.
 

Mais notícias
É proibido o uso ou publicação deste conteúdo sem a devida autorização. Os infratores ficarão sujeitos a penas previstas por lei. O Portal OZK não envia mensagens de e-mail sobre promoções, notícias ou novidades. Portal OZK - 2015 - 2018 Todos direitos reservados. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.
Desenvolvido por Jean Moraes