Terça-feira, 24 de novembro de 2020 FALE-CONOSCO ANUNCIE AQUI
Saúde
Centro de Controle e Combate ao Coronavírus completa 3 meses com 7 mil atendimentos, em Campos
Notícias > Saúde > Centro de Controle e Combate ao Coronavírus completa 3 meses com 7 mil atendimentos, em Campos
Isis Rodrigues / Portalozk.com 30 de junho de 2020 às 19h13
Compartilhe essa notícia Whatsapp

Ao completar três meses em funcionamento, o Centro de Controle e Combate ao Coronavírus de Campos atingiu a marca de 7 mil atendimentos. A unidade criada e inaugurada pela Prefeitura de Campos concentra pacientes confirmados ou suspeitos de Covid-19 e que estariam buscando hospitais contratualizados ou públicos de emergência, o que levaria à antecipação de um possível colapso da rede. O município registrou até segunda-feira (29) 1.828 casos confirmados no município.

 

Com atividades iniciadas no dia 30 de março, o Centro de Controle e Combate ao Coronavírus de Campos oferece 29 leitos de UTI, 5 unidades de pacientes graves (triagem) e, ainda no primeiro mês, ampliou de 40 para 60 os leitos de clínica médica. Para atendimento dos pacientes, a unidade conta com quatro etapas e, por turno, diariamente, mais de 100 profissionais estão comprometidos com o desempenho no enfrentamento à Covid.

 

O prefeito Rafael Diniz destaca a importância da unidade. 

 

- Estruturamos e abrimos o Centro de Controle e Combate ao Coronavírus em tempo recorde no final de março. Junto às autoridades em Saúde, entendemos ser de grande importância para garantir um atendimento digno às pessoas acometidas por esta doença. Desde então, tem sido um trabalho contínuo, mas os resultados mostram que estávamos no caminho certo. Uma equipe multidisciplinar comprometida também faz toda diferença. O CCC tornou-se referência não só em Campos, mas em toda região, especialmente com a falta do hospital de campanha prometido pelo Governo do Estado- disse o prefeito.

 

Coordenadora da UTI, a médica pneumologista Patrícia Meirelles, destaca que a equipe se desdobra para atender os pacientes e salvar vidas.

 

- Estamos muito empenhados e dedicados. Só sairemos daqui quando a porta fechar, mas, precisamos da ajuda da população. São três meses de funcionamento e trabalho duro para salvar vidas - frisou a médica. 

 

Patrícia Meirelles destaca ainda a taxa de sobrevida da unidade. “Temos uma taxa de sobrevida boa e de altas médicas excelente. Acredito que se não fosse o Centro, a gente estaria com a rede SUS desguarnecida em relação ao coronavírus e aí, com certeza, teríamos números mais alarmantes do que temos hoje”, acrescentou a especialista.

 

Diariamente, uma média de 80 pessoas é atendida no Centro de Controle. Até hoje, já foram mais de 400 internações. Segundo o coordenador de UTI, o médico intensivista Vitor Carneiro, os desafios são diários.

 

- Todos os dias nós encaramos um desafio. Fazer funcionar um Centro com esta estrutura e tamanho, com equipe multidisciplinar e durante uma pandemia funcionar adequadamente e, apesar das dificuldades que o vírus impõe, apresentar resultados positivos como os que temos obtido faz todo o esforço valer a pena - afirma.

 

Campos conta com 199 leitos dedicados a tratamento de Covid-19 - Entre hospitais contratualizados e públicos, o município de Campos possui 199 leitos dedicados a tratamento de Covid-19. São 72 Unidades de Tratamento Intensivo e outros 123 leitos clínicos, além de três leitos de Unidade de Paciente Grave e um de estabilização, distribuídos nas unidades próprias: Centro de Controle e Combate do Coronavírus - anexo à Beneficência Portuguesa -, Unidade Pré-Hospitalar São José, Hospital Geral de Guarus e Hospital Ferreira Machado, além das unidades contratualizados Santa Casa de Misericórdia, Hospital Escola Álvaro Alvim, Hospital dos Plantadores de Cana e, ainda, um hospital da rede privada.

 

De acordo com a secretária de Saúde, Cintia Ferrini, a instalação desses leitos é mais uma medida para garantir o atendimento a população.

 

- Unimos esforços para que o campista pudesse ter atendimento adequado no enfrentamento da Covid-19. Principalmente agora, na ausência do Hospital de Campanha, temos a certeza que a implantação da estrutura pela Prefeitura trouxe melhores perspectivas para atender a enorme demanda - frisou.

 

Além dos leitos do Centro de Controle, Hospital Ferreira Machado, Hospital Geral de Guarus e UPH São José, os leitos dedicados ao tratamento da Covid-19 na Santa Casa estão sendo utilizados. No Hospital Escola Álvaro Alvim estão ocupados e são utilizados prioritariamente para os pacientes oncológicos e cardíacos. No Hospital dos Plantadores de Cana pacientes gestantes de alto risco, com Covid-19, podem ser alocados em um dos 06 leitos de UTI e outros 12 leitos clínicos.

 

A Prefeitura também solicitou a reserva no Hospital Doutor Beda de outros 03 leitos de UTI dedicados à Covid, principalmente para pacientes oncológicos e de hemodiálise.

 

*Fonte: Ascom

Mais notícias
É proibido o uso ou publicação deste conteúdo sem a devida autorização. Os infratores ficarão sujeitos a penas previstas por lei. O Portal OZK não envia mensagens de e-mail sobre promoções, notícias ou novidades. Portal OZK - 2015 - 2018 Todos direitos reservados. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.
Desenvolvido por Jean Moraes