Quinta-feira, 09 de julho de 2020 FALE-CONOSCO ANUNCIE AQUI
Esportes
No Vasco, crise entre Campello e aliados deve culminar na saída do vice-presidente de finanças
Notícias > Esportes > No Vasco, crise entre Campello e aliados deve culminar na saída do vice-presidente de finanças
Isis Rodrigues / Portalozk.com 11 de janeiro de 2020 às 18h40
Compartilhe essa notícia Whatsapp

 

O presidente Alexandre Campello está ameaçado de perder sua principal base aliada dentro do Vasco. Atritos entre o dirigente e os vice-presidentes mais diretamente responsáveis pela parte financeira do clube deixaram a relação por um triz. João Marcos Amorim, vice de finanças, já apresentou uma carta de desligamento. Adriano Mendes, vice de controladoria, também ensaia sua saída da diretoria.

O motivo principal é a divergência entre os dois vices e o mandatário no que diz respeito aos gastos do clube. Campello defende maiores investimentos no futebol enquanto que a dupla prega maior austeridade nas despesas. O estouro do orçamento para 2019 já gerou atritos. Para 2020, as partes não conseguiram chegar a um acordo quanto ao orçamento direcionado ao futebol, o que aumentou o desgaste.

A própria saída de Vanderlei Luxemburgo entra nesse pacote. O técnico pediu aumento que não foi aprovado pelos vice-presidentes, assim como uma receita maior para gastar em contratações. Sem os valores pedidos e sem ver que Campello conseguiria dobrar a dupla, ele acertou com o Palmeiras.

Existe uma preocupação em não deixar a diretoria abruptamente, antes de o problema dos salários atrasados ser equacionado. Em relação aos jogadores, a dívida é referente ao mês de novembro, 13º salário e férias, além de direitos de imagem. Há uma pendência representativa também com os outros funcionários.

João Marcos Amorim e Adriano Mendes representam dois grupos políticos que passaram a dar suporte ao presidente Alexandre Campello depois que ele rompeu com o grupo "Identidade Vasco", no primeiro semestre de 2018 - a "Cruzada Vascaina" e o "Desenvolve Vasco". O afastamento dos dois grupos, caso confirmado, representa um duro golpe nos planos de Campello de tentar a reeleição no fim deste ano.

 

*Fonte: Extra

Mais notícias
É proibido o uso ou publicação deste conteúdo sem a devida autorização. Os infratores ficarão sujeitos a penas previstas por lei. O Portal OZK não envia mensagens de e-mail sobre promoções, notícias ou novidades. Portal OZK - 2015 - 2018 Todos direitos reservados. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.
Desenvolvido por Jean Moraes