X
São João da Barra/RJ, 16 de Novembro de 2018
São João da Barra/RJ, 16 de Novembro de 2018
fb.com/portalozk.com.br | instagram.com/portalozk | twitter.com/portalozk | Fale Conosco

Saúde
08 de Junho de 2018 ?s 11h28
Tem início curso para profissionais de enfermagem em São João da Barra
Leonardo Ferreira / Portalozk.com
titulo da notícia

Profissionais de enfermagem da rede municipal de São João da Barra participaram nesta quinta-feira, 7, da primeira etapa da capacitação em teste rápido e diagnóstico de HIV e triagem para sífilis e hepatites B e C. A iniciativa é da Secretaria de Saúde, por meio dos programas de Atenção Básica; Vigilância Epidemiológica; Educação em Saúde e DTS/Aids. A segunda etapa, envolvendo a prática, acontecerá no dia 14 de julho, no laboratório da Santa Casa de Misericórdia.

A capacitação foi ministrada pela coordenadora do programa DST/AIDS, Hélia Vargas, e pela sanitarista da Vigilância Epidemiológica, Fabiana Faria. As profissionais são multiplicadoras do diagnóstico precoce de HIV/Aids, capacitadas pelo Laboratório Central Noel Nutels (LACEN-RJ), instituição pública vinculada à Subsecretaria de Vigilância em Saúde da Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro.

Segundo Hélia Vargas, o curso aborda o acolhimento do paciente, aconselhamento pré e pós-teste, a realização do procedimento e encaminhamento aos serviços de referência. "Podemos destacar como resultado desta a capacitação a oferta de acolhimento e aconselhamento de alta qualidade para nossa população", pontuou.

O curso tem como objetivo inserir ações de prevenção e promoção em saúde, diagnóstico e aconselhamento em DST/Aids na rede básica e a qualificação contínua das referências técnicas em testes rápidos, que são aqueles cuja execução, leitura e interpretação dos resultados são feitas em, no máximo, 30 minutos, de fácil execução e não necessitando de estrutura laboratorial.

A sanitarista Fabiana Faria salientou, ainda, que o teste rápido é a base para o direcionamento de ações da atenção básica, identificando as doenças para o início do tratamento. "O procedimento contribui para o pré-natal, nos acidentes com material biológico, suspeita de doenças imunodepressivas e complementando o acompanhamento da tuberculose", explicou.

AS 7 MAIS LIDAS

Todos os direitos reservados | 2004 - 2016 | Grupo OZK V.A.F. Comunicação e Publicidade | CNPJ 14.775.883/0001-16 | Criando por Leonardo Ferreira | Desenvolvido por Jean Moraes